Friday, 21 July 2017

 

igualdade de género  inscrever

Refletir, discutir e agir sobre as questões da Igualdade de Género não é distinto da preocupação, enquanto cidadãs e cidadãos, pela democracia, pelo exercício dos direitos humanos, enfim, por uma cidadania plena. A diversidade em função do género está presente de forma transversal nas nossas vidas: da vida familiar à atividade profissional, passando pela participação cidadã. Entre outros domínios com elevada importância. É por isso premente pensar e desenvolver competências em prol de uma igualdade que reconheça e proteja a diversidade.


O que significa ser homem ou mulher, hoje? E como teria sido há meio século atrás? Como será no futuro? Significará o mesmo ser homem ou mulher na nossa casa, no nosso trabalho ou nos nossos grupos de amigos/as? Poderemos ser diferentes sem sermos desiguais? Poderá a diversidade coexistir com a igualdade?


Esta ação de formação pretende oferecer uma oportunidade de reflexão crítica, no que a homens e a mulheres diz respeito, em várias dimensões e a múltiplas escalas. Abordaremos durante estas 15 horas os tópicos e domínios inerentes à equidade de género, as condições para uma evolução de mentalidades ou as ferramentas para a ação, como o mainstreaming de género.

 

2. OBJECTIVOS GERAIS

:: Capacitar as pessoas para a promoção da igualdade de género nas diversas esferas sociais em que se movem;
:: Refletir sobre a diversidade e a equidade de género no sentido da transformação de atitudes;
:: Sensibilizar e potenciar a reflexão crítica sobre os tópicos inerentes à Igualdade de Género;
:: Desenvolver competências para a ação, nomeadamente perante estereótipos, preconceitos e comportamentos que contrariam o princípio da igualdade.

 

3. CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

:: Dimensão individual: conceitos; estereótipos e papéis sociais de género.
:: Dimensão coletiva: esferas e domínios da igualdade de género; evolução de mentalidades.
:: Dimensão institucional: momentos históricos; mecanismos e instituições.
:: Intervenção para a mudança: ferramentas para a ação.

 

4. PÚBLICO ALVO

Agentes educativos e de intervenção social (professores, formadores, animadores, técnicos, voluntários, estudantes). Público em geral.

 

5. METODOLOGIAS DE FORMAÇÃO

As aprendizagens mais relevantes e mais sustentadas são aquelas que se relacionam diretamente com aspetos concretos da nossa vida, com os nossos contextos reais de interação, com os nossos interesses e/ou com as nossas necessidades.
O percurso formativo que propomos nesta ação oferece a base para uma aprendizagem assente na experiência como eixo central para um desenvolvimento integrado de competências (ao nível dos conhecimentos, das capacidades e das atitudes).
Próprios do contexto de educação não formal, os princípios pedagógicos essenciais da abordagem proposta são:


» Participação de todos/as e coresponsabilidade
» Centrado nos/as participantes
» Estratégia de aprendizagem mútua
» Combinação de métodos
» Ambiente de aprendizagem seguro
» Transformação da realidade

 

6. CALENDARIZAÇÃO

15 horas

 

7. INSCRIÇÃO

Se está interessado/a inscreva-se clicando no botão em baixo. Assim que tenhamos o número mínimo de participantes entraremos em contacto. Desconto de 10% por participante em inscrições de grupo (mínimo 5 participantes). Os participantes receberão um certificado de participação no final da ação.

Para mais informações, contacte-nos através do endereço de e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..


inscrever

 

 

 

joomla templatesfree joomla templatestemplate joomla
Morada: Rua da Fábrica Social, S/N | 4000-201 Porto | PORTUGAL Telm.: +351 91 533 50 31 » E-mail: info@inducar.pt
Inducar